Paróquia

 
Catedral Mãe de Deus
1200px-Metropolitan_Cathedral-Porto_Alegre


O projeto da Catedral Metropolitana de Porto Alegre, dedicada à Mãe de Deus, é do arquiteto italiano João Battista Giovenale. Em 7 de agosto de 1921 as obras são iniciadas com o lançamento da pedra fundamental. Todo o granito empregado na construção e no piso foi extraído das pedreiras dos morros que circundam a cidade de Porto Alegre.

Em 01 de janeiro de 1922, por ocasião do 7o centenário de São Francisco de Assis é celebrada a primeira missa no local da nova cripta da Catedral de Porto Alegre, ainda a descoberto. Em 20 de março de 1929, é inaugurada a cripta com a realização da primeira missa nestes suntuosos espaços. Somente por ocasião do V Congresso Eucarístico Nacional e da Terceira Semana Nacional de Ação Católica, realizados em Porto Alegre, em 24 de outubro de 1948, a celebração das funções litúrgicas da cripta é transferida para o amplo recinto do novo templo. Nesta data, a Catedral Metropolitana é parcialmente inaugurada, dando-se acesso à nave central e ao presbitério.

Em 30 de maio de 1971, são simbolicamente inauguradas as duas torres da fachada principal, à Rua Duque de Caxias e, em 26 de março de 1972, por ocasião da comemoração solene do Bicentenário da Paróquia de Nossa Senhora Mãe de Deus, é finalmente inaugurada a grandiosa cúpula, com missa em ação de graças no recinto do novo prédio. Em 05 de novembro de 1973 são concluídos os mosaicos do frontispício e, em agosto de 1986, a Catedral é dada como concluída e inaugurada solenemente.